O projeto compreendeu a implantação de reflorestamento com plantio, condução e formação de mudas de espécies arbóreas nativas, em área de 50 (cinquenta) hectares, no município de Sandovalina/SP, durante período de 72 meses. As mudas foram plantadas em berços preparados previamente, que são constituídos por abertura das covas, adição de calcário, matéria orgânica, fertilizante mineral e gel superabsorvente.